quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Embora doa '

. . . é a dúvida que resta que me leva a perguntar, qual papel será o meu, o de quem nada faz

Embora doa, nada fiz para mudar
Embora doa nada vai mudar
(. . .)

Tanto para dizer, tanto que sinto, tanto que sonho, tanto que quero . . .
Mas não consigo dizer, não tenho conseguido soltar as palavras. . .
Tenho-as tão presas, tão guardadas em mim..

Mas talvez o manter-me no silêncio esteja a ser a minha defesa, o meu porto seguro. . 

Talvez um dia eu conseguia dizer . . . '



                                                     Aquela menina (....) '

7 comentários:

  1. O meu selo oficial para ti, no meu blog *

    ResponderEliminar
  2. O grito do silêncio, ecoa tão forte dentro de nós e doi tanto!
    O silêncio nem sempre é o melhor caminho, gritar, ás vezes, faz bem!
    Embora doa!

    ResponderEliminar
  3. Klepht, adoro as músicas deles, principalmente aquela que tem oomo titulo - tudo de novo.

    ResponderEliminar
  4. lindo, mas às vezes não nos faz muito bem ficar com as coisas presas temos é de soltá-las a pouco e pouco e com cabeça ;)*

    ResponderEliminar